quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Transfer Serigráfico

Este tipo de transfer é o que possui maior qualidade e durabilidade, mas também o que tem o maior custo de produção. Por ter em seu processo de fabricação todas as etapas de uma serigrafia tradicional (o silk) o resultado final acaba sendo o mesmo.

Sua Aplicação:

Este tipo de transfer pode ser aplicado em tecidos claros ou escuros. Pode ser aplicado em malhas 100% algodão, malhas frias ou PV, malhas viscose, malhas poliéster, tecidos ecológicos, jeans, couro entre muitos outros.

Limitações:

Este tipo de transfer não tem limitações de aplicação. Pode ser aplicado em quase todos os tipos de tecidos tanto em cores claras quanto escuras.

Modo de Fabricação:

  • A estampa é dividida em cores ou quadricromia através de programas específicos, como o Corel Draw ou Photoshop;
  • Para cada uma das cores da estampa é impresso um fotolito espelhado;
  • Para cada um desses fotolitos é criado uma matriz serigráfica comum (tela do silk);
  • Com as matrizes prontas, em um papel siliconado de 90 gramas são impresso as cores da estampa usando tintas serigráficas para transfer. O processo de aplicação das cores é feita de forma inversa a serigrafia tradicional, ou seja, são impressas as cores claras primeiras e depois as cores escuras e obrigatoriamente é necessário aguardar a secagem de cada uma delas. Os fabricantes desse tipo de transfer possuem equipamentos que aceleram esta secagem para aumentar a produtividade.
  • Após a aplicação de todas as cores contidas na estampa é aplicada uma camada de tinta branca com uma matriz revelada no formato da imagem completa.
  • Por ultimo é aplicado com a mesma matriz da tinta branca um produto que é que uma cola especial que fara com que essa estampa que esta no papel siliconado tenha aderência ao tecido (substrato).


Particularidades:

Neste processo a estampa é feita em um papel siliconado, para que este não tenha nenhum tipo de aderência ao substrato a não ser a própria estampa que recebe uma aplicação de uma cola.

As tintas usadas neste processo também são especiais, são tintas plastisol fabricadas especialmente para a produção desse tipo de transfer.

Para se produzir um transfer como este serão necessário todos os materiais utilizados na serigrafia tradicional: Matrizes serigráficas, mesa serigráfica, aplicadores entre outros.

As matrizes são criadas da mesma forma que na serigrafia tradiconal e a aplicação da tinta também. O que vai mudar é o espelhamento da estampa na criação das matrizes e o substrato que será o papel siliconado em vez do tecido.

Vantagens:

 Este tipo de transfer tem todos os processos de uma serigrafia tradicional, mas apresenta uma grande vantagem, pois as estampas ficam em um papel siliconado podendo estes ficar estocados e ser aplicado ao tecido somente quando se desejar o produto final acabado. Dessa forma uma empresa de estamparia não precisa manter estoque de todos os modelos de camisetas já finalizadas, reduzindo muito o custo que tem um capital parado.

Além dessa vantagem, muitas empresas comercializam apenas as estampas, ficando a cargo do comprador a aplicação da mesma.

A Mundo Magazine comercializa no atacado e no varejo todos os produtos e equipamentos necessários para fabricação desse tipo de transfer. Caso tenha o interesse na aquisição ou na cotação dos mesmos entrem em contato pelo e-mail: vendas@mundomagazine.com.br ou acesse nossa web loja em www.mundomagazine.com.br

Nossa equipe técnica fica a disposição de todos para maiores esclarecimentos ou dúvidas.

Veja também:

2. Transfer Litográfico
3. Transfer Sublimático
4. Transfer em Jato de Tinta (Desk Jet)
5. Transfer em Laser
6. Transfer em Vinil
7. Transfer em Strass
8. Transfer em Patch Work

Nenhum comentário:

Postar um comentário